Comportamento dos empreendedores

Ser um empreendedor é mais do que apenas ter um desejo. O comportamento dos empreendedores está sempre à frente de seu tempo e, em sua mente, eles conseguem visualizar nitidamente aonde querem chegar.

comportamento dos empreendedores

Em 2014, o Sebrae realizou o seminário Empretec que pontuou e atuou no desenvolvimento dos 10 comportamentos principais dos empreendedores.

O Empretec é uma metodologia criada pela ONU (Organização das Nações Unidas) e que tem como finalidade o desenvolvimento do comportamento empreendedor, promovido em 34 países.

Aqui no Brasil, esse treinamento é realizado exclusivamente pelo Sebrae e já capacitou mais de 200 mil pessoas em todo o território nacional.

Por esse motivo, resolvi elencar os 10 principais comportamentos dos empreendedores que foram discutidos no evento. Confira!




Como um empreendedor se comporta:

1. O empreendedor quer sempre mais:

E não estou falando de compensação financeira, pois o empreendedor entende que dinheiro é apenas uma consequência de um trabalho bem feito. O empreendedor está sempre buscando informações e se atualiza na mesma velocidade do mercado, quando não está um passo a frente prevendo as tendências de acordo com as informações que colhe. Estar antenado e buscar opiniões de especialistas do mercado são sua garantia de sucesso.

2. Suas metas estão determinadas,

pois o empreendedor sabe que só consegue seguir em frente quem tem um objetivo a alcançar. Para quem está perdido, qualquer caminho é bom e, por isso, sua linha de chegada o desafia e o motiva a sempre seguir em frente com o foco no prêmio. Sua visão é clara e objetiva e é capaz de estabelecer estratégias cujos resultados são mensuráveis.

3. É autônomo.

O empreendedor sabe exatamente aonde quer estar e como deve chegar lá, portanto toma suas atitudes de maneira independente e com confiança no sucesso. Essa autoconfiança vem da base sólida em que suas ideias sobre o seu mercado de trabalho estão construídas, pois essa base é fruto de pesquisa e informações corretas e atualizadas para que ele possa ajustar seu plano de ação ao longo do caminho. Além disso, é otimista e contagia sua equipe com o mesmo espírito.

4. Entende que sacrifícios, às vezes, são necessários.

Seu comprometimento é corroborado por suas atitudes e palavras, que estão sempre em coerência e sintonia. Está sempre disposto a por a mão na massa e ajudar funcionários, clientes ou quem precise de sua ajuda. O empreendedor reconhece seu papel e sua responsabilidade no alcance do sucesso ou fracasso, por isso, não pensa duas vezes antes de trabalhar dobrado para chegar às metas determinadas.

5. Está disposto a fazer quantas tentativas forem necessárias.

Obstáculos não faltam, mas, para o empreendedor, eles apenas aprimoram o gostinho da vitória. Ele não desiste e não desanima, pois tem como característica marcante a flexibilidade que lhe permite ajustar seus planos ao longo do caminho para atingir seus objetivos.

6. Assume riscos calculados,

pois seu perfeito entendimento do mercado lhe permite tais ações. O empreendedor é capaz de avaliar, com discernimento, todas as opções possíveis de uma determinada estratégia com a finalidade de diminuir a possibilidade de fracasso. Ele reconhece os riscos que apresentam grandes chances de serem bem sucedidos.

7. Planeja suas ações.

É organizado e determina prazos para que suas estratégias possam ser mensuradas e ajustadas. Propõe quem seus planos sejam realizados em etapas para que possa monitorá-los e estabelecer caminhos alternativos, se isso for necessário.

8. É pró-ativo.

Empreendedores têm a capacidade de se antecipar aos movimentos do mercado e dar andamento em oportunidades antes mesmo que cheguem até ele. O empreendedor tem a capacidade de enxergar entradas onde outros só conseguem ver saídas.

9. Qualidade em primeiro lugar

A excelência na qualidade de todos os procedimentos de sua empresa ou marca está em primeiro lugar e nada justifica uma metodologia mal aplicada. O empreendedor busca maneiras de fazer mais com menos e incentiva seus colaboradores a sempre quererem o melhor para si mesmo e para todos que fazem parte de sua rotina organizacional: clientes, fornecedores e outros colaboradores. 

10. Networking.

O empreendedor é persuasivo e tem um bom relacionamento com seus contatos visando à união de forças para alcance de uma meta em comum.

O empreendedor toma a informação como aspecto mais importante de seu negócio. O comportamento dos empreendedores deve ser baseado em conhecimentos profundos do mercado e da determinação de suas metas conforme a dinâmica do mercado.

Brinde Pra Você!

Cadastre seu melhor e-mail e receba Grátis o e-Book "Guia do Trabalho a Partir de Casa", além de minhas melhores dicas sobre marketing digital e negocios lucrativos. *Inscrição Gratuita.

Marcelo Langoni

Olá. Seja bem-vindo ao meu Blog. Sou um entusiasta das novas tecnologias e um empreendedor que viu no Marketing Digital a possibilidade de compartilhar minhas dicas, ideias e transmitir minha mensagem ao mundo, com o objetivo principal de ajudar pessoas empreendedoras a desenvolverem negócios rentáveis e escaláveis.

Website: http://www.empreendedorismo-online.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *